Segue o Loucuras por email...

quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

Silêncio...

Deixa-me ficar a ouvir-te
parada,
quieta
descalça
como se não houvessse
mais chão
nem ar
nem pássaros a voar
ou flores a nascer...

Deixa-me ficar a ouvir-te
nesse sussurro intemporal
que me preenche
Ó Silêncio...
silêncio de silêncios
na madrugada gelada
que perpetuam a tua voz
de silêncio...


Nenhum comentário: