Segue o Loucuras por email...

sexta-feira, 20 de julho de 2007

Gotas de encantamento...

Quero ficar a ver
As flores a crescer
E a chuva a cair
Na saudade
De um dia
De muitos dias
Misturo tudo
Nas vertentes
Escarpadas
Do meu pensamento
Saio errante
De mim
No tempo
Quando o tempo
Se perdeu
E eu o vi nascer
Em gotas
de encantamento...
Que se perdem
Que insistem em se perder...
E que eu
teimosamente
Procuro...
Procuro...

8 comentários:

Alexandre disse...

«Misturo tudo
Nas vertentes
Escarpadas
Do meu pensamento»

Também misturas as gotas de encantamento mas eu vou ajudar-te a procurá-las... a dois sempre temos mais hipóteses de encontrar as gotas ... de encantamento!!!

Muitos beijinhos!!!

Sei que existes disse...

Espero que as encontres bem rápido!
Lindo poema!
Beijinhos

MARTA disse...

Eterna procura..pelo amor encantado, preso em gotas à espera que alguém esse encantamento quebre........
Tenho a certeza que vais encontrar...
Beijos e abraços
Marta

Felipe Fanuel disse...

Que lindo isso aqui!

Marili Alves disse...

Amei, adoroo seu blog, todos os posts são lindoosss!!!
bjos, boa semana

Jac C. disse...

Voltei de férias e feliz com tua visita, venho retribui-la.
Aconchegante recepção a música ao fundo.
Então tens o dom da poesia? Aprecio muito.
Parabéns pelo blog e felicidades sempre.
Bjs

Nilson Barcelli disse...

Fazes bem em procurar.
Afinal, não é todos os dias que encontramos gotas dessas.
Belo poema, gostei muito.
Beijinhos.

Klatuu o embuçado disse...

Não estão mal os poemas.