Segue o Loucuras por email...

segunda-feira, 10 de setembro de 2007

O teu silêncio...

Quero ser o teu silêncio
na quietude da tua mágoa
quero abraçar essa dor
que é tua,
do teu silêncio
e agora minha
porque eu
quero ser o teu silêncio
deixa-me chorar contigo
deixa que todo o tempo
se consuma no tempo
e que toda a mágoa
se transforme em luz
e eu
serei o teu silêncio
que fica para além das palavras
quando as palavras
se gastaram
se perpetuaram
na memória
que fica
que resta
quando a flor
ao entardecer
solta uma lágrima
que ninguém vê
e a terra ampara...

7 comentários:

Alexandre disse...

Que coincidência, ainda esta noite estive a escrevinhar algo que também começa por «eu quero», talvez post um dia destes...

Mas o teu «eu quero» «o teu silêncio» é fascinante!!!

Muitos beijinhos!!!

Sol da meia noite disse...

O teu querer é sublime!

Quereres ser o silêncio que compreende, que está presente...

Poema dos mais lindos que já li!

Beijinhos!!!

sonhadora disse...

Um poema que me deixa a sonhar.
Beijinhos embrulhados em abraços

s.p. disse...

lindooo...o silêncio que ninguém escuta...a mágoa e a dor que ninguém sente...a lágrima que ninguém vê...e a terra é que ampara tudo isto...lindo...

ContorNUS disse...

No enlevo da palavras guardei o teu sentir...voltarei

elsa nyny disse...

gostei de sentir as tuas palavras sentidas!

bjts

Som Do Silêncio disse...

Eu também queria ser esse "silêncio" de alguém...

Lindo minha querida.

Um Beijo Silencioso