Segue o Loucuras por email...

quinta-feira, 10 de janeiro de 2008

Para ti...



Era verão
E o sussurrar das ondas
Confundia-se
Com o sussurrar do teu sorriso,
Das tuas palavras,
Que falavam de adeus,
De um adeus,
Que seria sempre
Um até já
Um até sempre...


Guardei aquele momento
Em mim,
Gravei-o
no mais profundo do meu sentir
Igualei-o ao cenário
Que era lindo,
E as palavras verdadeiras
Transfiguraram-se
Naquele sentimento único,
imenso
E verdadeiro,
Que nem o mar
Conseguiu absorver
Nem o vento levar,
Nem o tempo esfumar
E ficou...ficou
...em mim...para ti...


Foto - Fátima

10 comentários:

Felipe Fanuel disse...

Ai, quanta saudade desse lugar lindo!

Alma Nova disse...

Num "até já" permanente vivem os que amam...e esse sentir profundo jamais se apaga ou se esfuma no tempo.

Um Momento disse...

Arrepiante... mas lindo

Ainda a assimilar o seu contexto

Bom fim de semana...

Até já

(*)

Entre linhas... disse...

Uma saudade infinita que não desvance com o tempo...
Bom fim de semana
Bjs Zita

oArtista disse...

Que cada adeus seja sempre um até já.
Beijos

Lusófona disse...

Em mim... para ti...

Linda, gosto muito dessa tua sensibilidade de transmitir sentimentos pelas palavras.

Beijinhos e obrigada pela visitas tão doces

sniqper ® disse...

No sussurar das ondas está o vosso amor, num movimento gracioso, que desenha na areia que toca, um som de amo-te...

Tiago' disse...

Todos sentimos isso, numa qualquer altura da vida! :)

Beijinhos,
Tiago :)

Menina do Rio disse...

Estive um tempo sem Pc e acho que me atrasei nos votos de um novo e feliz ano, mas quero deixar-te meu carinho e agradecer por tua presença em meus dias.

Um ano de amor, sabedoria , indulgência, humildade e discernimento a todos nós!

PDivulg disse...

Belo cantinho da Net, onde a poesia é bela...
Parabéns.