Segue o Loucuras por email...

domingo, 25 de janeiro de 2009

Na noite..



Vens de noite
Quando se calam as vozes
E o fio indiviso
Se solta
e faz permanecer
O sentimento do silêncio
Silenciado
Em passos invisíveis
E silenciados
Na ternura de um abraço
Certeza de um alento
Acalmia de mais um passo
No turbilhão dos sentimentos
Desalinhados
Ofuscados
E sem nexo
E eu hesitante
Na noite…

Nenhum comentário: